domingo, 16 de novembro de 2008

...

O dia amanhece pintando o céu com cores suaves,dando a tudo uma nova esperança.Ela desperta,pro dia,pra vida,para enfrentar tudo o que venha.Sente-se forte,dona de uma plenitude sem igual.Nada poderia a abater agora,pensa enquanto toma seu café e traga do cigarro matinal.Eis então que lembra-se da noite passada.Desilusões.Promessas não cumpridas.Palavras soltas que pairavam no ar como a fumaça de seu cigarro.Dúvidas traiçoeras surgem em sua mente..Maldito "se"..Que coloca tantas possibilidades em sua vida já tão gasta por mentiras,lorotas,balelas.

Pensa que não deveria sentir tanto..Amar tanto..Ser tanto sangue a pulsar nas artérias.Pensa que não deveria ter entregue toda a sua ilusão de menina a alguém que não consegue sequer falar de algo que não seja o próprio espelho.Pensa,pensa,pensa.E após refletir incansavelmente,chega a uma única conclusão:não pensar.Deivar a vida fazer seu papel,ser como o tal barquinho que flutua somente pelas forças mágicas do vento.

3 comentários:

Segredos de menino disse...

olha, to passando pra ver o blog, vi seu comentário...

Caminheiro Pensador disse...

Gostei do vi aqui, embora não tenha visto muito...(sem tempo).

Parece muito intensa, verdadeira, cheia de sonhos, desejos.
Ao mesmo tempo curte cada momento, e saboreia a vida....

Obrigado pelo comentário, volte sempre.

Abraços.

Fay disse...

retribuindo a visita! :) têm imagens interessantes por aqui, viu? :) beijos.